domingo, 27 de dezembro de 2009

não há tema pra poema.
não há.
não há temos pra por lar.
há tempo pra por de sol lá...
se trópicos.
lento lendo alegorias.
e eu me perco com a nova
novíssima gramática. supernova.
e vivo em uma dramática.
Pedro Paulo Pan, primavera/verão de 2009
e houve uma ela
que me ensinou que a poesia
não é tão somente
2 pra lá
& dois pra cá.
fez eu colocar meus ouvidos
em texto meu.
e ouvir o bater cardíaco
de a minha poesia.
Pedro Pan, verão de 2009


Tinha publicado antes. Maaaas tinha ido errado.
Agora vai...
Feliz Natal atrasado e Feliz 2010!!!
Pedro Pan

8 comentários:

Carlos disse...

O míssil da champagne voa e leva consigo o grito da festa

Abraços Poéticos a todos os meus queridos da NET

alex pinheiro disse...

Eita que Pan vive de drama também... mas que é só coisa de costume mesmo... a "pharmácia" é tão poética e não usamos... em contrapartida Guimarães Rosa neologisa com graça e prova que,,, por aqui, até dá pra fazer disso ;-)

Abraço e genial invenção!

Kanauã Kaluanã disse...

Não temas!
Que tema não haja. Apenas um "mote". E que a gramática aprenda que a língua se move.

Beijos, poeta.

Katyuscia.

Pedro Pan disse...

"E os próprios olhos, de cada um de nós, padecem viciação de origem, defeitos com que cresceram e a que se afizeram, mais e mais."
Guimarães Rosa em Primeiras Estórias

Suhelen disse...

bate poesia no teu coração.

feliz quimeras diárias pra ti, moço!

beijo

clarice ge disse...

Recado teu pra mim em um dia... só pra comemorar uma amizade que versa desde uns tempos atrás...
"O senhor sabe o que o silêncio é? É a gente mesmo, demais." João Guimarães Rosa em Grande Sertão: Veredas.
, silêncio fala demais mesmo...
|beijos meus|
pedro pan | Homepage | 30.11.06 - 6:53 pm

sorrindo mesmo quando não... bjs

Nandinha... disse...

oi saudades daqui...

Como foi o fim de ano?

Fouad Talal disse...

Porquimeras
Quimeraslinhas
Quisãopoesias

Saudações!
Fouad Talal
www.versosdecor.blogspot.com