quarta-feira, 14 de junho de 2006

umas palavras caem por a tardinha.
roem roem rangem
se ao menos dessem algumas
piruetas
em o ar
,eu
séries d'um passarin
ar.

6 comentários:

Claudio Eugenio Luz disse...

Metaforas excelentes, meu caro; isso é pra quem atravessa a realidade e nela descobre outras possibilidades.

hábraços

Múcio Góes disse...

ar de ti, ser
na tardinha,
esse passar
de passarin...

[]´s

Valéria disse...

eu vi as palavras piruetas...e elas estão aqui!
beijo avoadô

Nanna disse...

Palavrinhas acrobatas...

Beijinhos!
:)

eduardo disse...

Poema lírico e revelador...
http://dudu.oliva.blog.uol.com.br

Mary disse...

Você já é um passarin [ar].

:)

Que belo.