domingo, 3 de setembro de 2006

                      "que eu daria minha vida pra você voltar
que eu daria minha vida pra você ficar"
Martinha


esperei dizer-me:
te amo e te desprezo
que agonia. enquanto isso
eu passeava meu pensar
por todo o quarto (o quanto).
e toda sensação
em o sentido
afagava as idéias
de vida a dois...

19 comentários:

Keila Sgobi disse...

precisando de cuidados
muitos cuidados

diovvani disse...

pppppppPasseando mmeu pepepePensar gaguegueGuejante por aqui.

Múcio Góes disse...

vida a dois... anseio, agonia, pensar... vida a dois... há vida, quando há dois? melhor qd dois escolhem ser um... vida a um, isso é que é vida, sô!

P.
[]´s
M.

Claudio Eugenio Luz disse...

Sensibilidade pura, meu caro. Faro raro para capturar esse sentimento tão bem escrito.

hábraços

Rayanne disse...

Dois ecos
Dois apelos
Um silêncio
E o naufrágio.

"Ó amor deixa em paz os namorados
Eles guardam em si coral sem ritmo -
Os infernos futuros e passados;"

**Estrelas cadentes**

camila disse...

este tb já me foi tema de texto... e o bom é que tudo, no final das contas, acaba em poesia... para o bem do nosso coração, para o afago dos nossos olhos. [nunca mais tinha vindo aqui né? to de volta. :)] beijos!

Paulo Vigu disse...

Quartos: onde os pensares passeiam. Casos de amor nos quartos.O quanto a vida a dois é boa ou não... nos quartos. E a Poesia a se espalhar pela casa. Riodaqui leva abraço aí - Paulo Vigu

Bruna Rasmussen disse...

sobre amores e pesares..

ah. fantástico, sim! por conta e risco!! ahhahah

beijos

Sara disse...

O amor e viver a dois.
É bom quando existe o amor ainda.
Beijos

Edilson Pantoja disse...

Somos contradição... Belo poema! Gostei das novidades!
Abraços!

Cristiano Contreiras disse...

domingo em sentimentalidade.

abraços

Mendoscopia disse...

Afaga, afoga, mas não seca nem cala!
Bjos

Marcia

douglas D. disse...

(des)afogar de idéias
nas margens
a dois.
abs.

Anônimo disse...

Antagônicos sentimentos... se formam em pontes e abismos... um ao outro precisa. Abraços

ObservadOOr disse...

Antagônicos sentimentos... se formam em pontes e abismos... um ao outro precisa. Abraços

Lubi disse...

Ah, mas é assim.

Lubi disse...

Me explica a Sala Charlie Chaplin?!
Beijo.

Clauky Saba disse...

passeando meus pensares por quimeras... adorei!

Ah! já te disse q adorei a Sala Fellini?

poetabraços

Mary disse...

A espera é sempre angustiante...

;**

Lindo poema!