domingo, 19 de março de 2006

há hospedes em silenciar
(em outra época)
(em outro silenciar)
e ouvir um barulhinho.
tua voz me volta de estrela
em estrelas passarinhando
por ai

6 comentários:

Dreamer disse...

passarinhando , amarrei na gaiola torta um sonho-chamariz. que estrelas venham desmordiscar na gaiola, pra cantar todos os dias cores pra mim.

abraço filhote.

Clarice disse...

"...ao poeta faz bem desexplicar tanto quanto escurecer acende os vagalumes."(Manoel de Barros)
Beijo Pedro Pan Poeta.

Valéria disse...

gôsto de outros avôos... lembranças e gôsto de beijo de mãe... uma voz que me volta e um carinho que sinto...aqui no rosto meu
beijo menino avoado que avoa

douglas D. disse...

imagens-silêncio nos tocando fundo...

Marla de Queiroz disse...

Caí aqui sem querer, da próxima vez sei que vai ser por muita querência!rs
Beijos!

Marla de Queiroz disse...

Caí aqui sem querer, da próxima vez sei que vai ser por muita querência!rs
Beijos!